Principal
O Brasil vai parar
Trabalhadores do transporte aderem à Greve Geral de 14 de junho
05/06/2019
Dia dos Namorados
Comércio tem horário especial
05/06/2019
Como o seu celular afeta sua saúde mental?
A última década enfiou um computador no bolso de cada um de nós
05/06/2019
04/09/2018

Grito dos/as Excluídos/as

Desigualdade gera violência

divulgação
I013109.jpg

Acontece em João Monlevade, no dia sete de setembro, o 24º Grito dos Excluídos. Este ano com o tema “A vida em primeiro lugar” e o lema “Desigualdade gera violência: basta de privilégios”. De acordo com Edna Aparecida de Oliveira, secretária da Regional III da Diocese de Itabira/Cel. Fabriciano, a caminhada, com paradas para reflexões, começa às oito horas da manhã e termina ao meio dia. São esperadas de três a quatro mil pessoas para essa atividade. Edna lembra que a participação no evento é livre e que todos e todas estão convidados, principalmente as pessoas ligadas aos movimentos populares.  
 
O Grito é uma ação coletiva. Estão juntos neste mutirão as Pastorais Sociais, Semana Social Brasileira, Movimentos Populares e Sindical, Campanha Jubileu, Grito Continental, Igrejas, Mutirão contra a Miséria e a Fome.
 
O primeiro Grito dos Excluídos foi realizado em setembro de 1995 e tinha como objetivo aprofundar o tema da Campanha da Fraternidade daquele ano. O lema era: “Eras tu, Senhor”, e o tema “Brasil, alternativas e protagonistas”.  
 

Fonte : Ascom/SECI







Av. 28 Abril • 621 • sala 302

Centro • Ipatinga • MG • CEP.35160-004

[31] 3822.1240