Principal
Empregados do setor supermercadista
Assembleia para discutir trabalho nos feriados
02/03/2021
Não Deixem Vender o Brasil
Campanha alerta sobre prejuízos das privatizações
01/03/2021
28/02: Dia Mundial de Combate à Ler/Dort
Doença ocupacional que mais afeta os brasileiros
26/02/2021
18/02/2021

Dia Nacional de Combate ao Alcoolismo
Pandemia aumenta frequência do consumo

Google Imagens
I014041.jpg

Não foi apenas o consumo de álcool em gel que aumentou com a pandemia do Covid-19. Uma pesquisa da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) apontou que mais de 40% dos entrevistados brasileiros relataram ter feito alto consumo de bebidas alcoólicas entre os meses de maio e junho de 2020. A maior prevalência foi entre os jovens. Nesse público foi identificado o consumo pesado (cerca de cinco bebidas alcoólicas padrão ou mais de 60 gramas de álcool), pelo menos uma vez em 30 dias. A pesquisa aponta ainda que a presença de quadros graves de ansiedade aumentou em 73% a chance de maior frequência no consumo.
 
Em entrevista para o Jornal da USP, o médico psiquiatra Arthur Guerra, fundador do Grupo de Estudos de Álcool e Drogas do Instituto de Psiquiatria do Hospital da Clinicas da Faculdade de Medicina da USP, disse que a pandemia trouxe “um fenômeno novo que não era conhecido”. E continua: “Pessoas que não faziam o uso de álcool todo dia passaram a fazer, pessoas que bebiam somente à noite também começaram a beber durante o almoço, algumas pessoas aumentaram o consumo de álcool de forma preocupante sem ser uma dependência, mas preocupante para um gestor de saúde pública”, conclui Guerra.
 
A Opas estima que mais de 3 milhões de mortes são causadas todos os anos pelo uso nocivo do álcool, além de ser um fator determinante para a causa de mais de 200 doenças e lesões. A organização aponta que o uso nocivo do álcool provoca ainda perdas sociais e econômicas significativas para os indivíduos e para a sociedade. O 18 de fevereiro é o Dia Nacional de Combate ao Alcoolismo. É uma oportunidade para refletir e buscar soluções que revertam esse quadro apontado pelas pesquisas. A luta contra o alcoolismo é de todos que querem um mundo melhor, com saúde e dignidade. O SECI faz parte desse grupo.
 
Grupos de ajuda
 
Para ajudar na recuperação de alcóolicos existe a Irmandade de Alcóolicos Anônimos (AA). No Vale do Aço existem cerca de 30 Grupos de AA. Caso você precise de ajuda, ou queira para algum parente ou amigo, entre em contato pelo telefone/zap (31)3821-3758 ou celular/zap (31)98835-5299, ou ainda pessoalmente na Rua Ponte Nova, 163, 3º andar (de segunda à sexta, das 12h às 16h). Em todos os telefones o AA recebe pedidos de ajuda e entra em contato. 
 

Fonte : Ascom/SECI







Av. 28 Abril • 621 • sala 302

Centro • Ipatinga • MG • CEP.35160-004

[31] 3822.1240